CENA
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2009
Sugestões de fim-de-semana

 

Vem aí o fim-de-semana e cá está aquilo por que esperou a semana inteira, eventualmente: as sugestões para o que fazer no Sábado e no Domingo. São três e, se for mulher e achar que isto é demasiado direccionado para o sexo masculino, basta mudar o género às referências que achar desfasadas da sua realidade. É fácil e acaba por ser um simpático exercício de morfologia.

 


Opção um


Sábado vá a uma festa de Halloween para perceber que sair de casa é actividade bastante sobrevalorizada. Domingo fique mas é em casa, veja todos os episódios do CSI que conseguir e faça um apanhado de quantas vezes o culpado é a primeira pessoa com quem vão falar, quantas vezes é a segunda, quantas vezes é a terceira e quantas vezes é a quarta. Depois, use esta informação para, segunda de manhã, fazer conversa de circunstância no elevador (silêncios neste espaço são de matar uma pessoa, credo, e há prédios de quinze andares, pelo menos) ou quebrar o gelo com aquela mulher com a qual, apesar de saber perfeitamente que tem zero hipóteses de vir a ver sequer em fato de banho, quer ser visto a conversar, impressionando assim todos os demais mortais. Nas conversas com essa pessoa, deverá, como é evidente, adoptar a postura “sim, ando-me a pôr nisto”, de modo a criar de facto inveja nas pessoas. Se estiver desempregado, meta a informação estatística sobre o CSI num Powerpoint e crie um daqueles mails forward de que toda a gente gosta.

 

Você no escritório a apresentar o seu estudo

sobre o CSI, se fosse o Dickens.

 


Opção dois


Vá a uma festa de Halloween e veja quantos idiotas confundem Halloween com carnaval e vão vestidos de mulher/bebé/Hitler ou afim. O importante é que saia de casa, conviva, mas sempre com a certeza de que levar um tiro ou facada por alguém é ocorrência que o tornará num herói para sempre. Sim, se é uma pessoa de personalidade detestável – que é o mais provável, não engana ninguém -, recorra a esta manigância para todos passarem a achar que é uma pessoa admirável. Para potenciar as hipóteses de levar um tiro ou facada por alguém, deve, por exemplo, meter-se em toda e qualquer quezília que vislumbrar, se possível entre bêbados/depois do Braga x Benfica/entre pessoas claramente armadas (juntar estas três variáveis seria o ideal, de resto). Em Lisboa, é certo que lhe mandam um tiro, resta saber se lhe acertam. Evite é levar um tiro ou facada na cara, adoptando nesse sentido a posição “fazer barreira”.

 

Cautela, que há canalha que, ao invés de lhe dar um tiro ou facada,

prefere atiçar-lhe um cão. Não se meta nisso, que não dá status nenhum

e as pessoas ainda têm é pena do cachorro.

 


Opção três


Saia no sábado e domingo, frequentando todo e qualquer espaço comercial que tenha uma mulher atrás dum balcão e namorisque com elas. Porque têm que ser simpáticas com todos os clientes e potenciais clientes, vai-lhe parecer que estão a reagir positivamente ao seu charme absolutamente nulo, o que, sem sombra de dúvida, colocará o seu ego nos píncaros. Na segunda-feira, quando for trabalhar, é provável que transpire confiança e as primeiras três tampas às suas investidas baratas não façam mossa na sua insegura existência. À quarta ou quinta você cairá na real e voltará à sua triste existência, mas foi bom enquanto durou. Se não quiser fazer isto, combine um paintball com amigos e vá vestido à Rambo (leve é um casaco de cabedal para vestir depois, que aquilo é bolinhas, mas ainda aleija) ou decore a letra duma cantiga e aproveite todo e qualquer momento para a cantar de início ao fim.

 

Mulher falando com um velhadas que, como todo e qualquer

homem, confunde "simpatia inerente às funções" com "dar bola".

 


 

Se quiser decorar a letra duma cantiga, recomendamos esta, que até é fácil:

 



publicado às 00:00
comentar

Comentários

De João Martinho a 3 de Novembro de 2009 às 01:45
Da-lhe com a alma hó Bruno... Sempre a considerar ...
Continuação e que mais ... não tem jeito nenhum ou, ate tem... cala-te Busto...

Abraço


De r0bim a 1 de Novembro de 2009 às 00:11
Antes, este fim de semana optar por ficar em casa a arrumar a casa, amanha vou a um jogo dos solteiros e casados, e deopois almocarada la no dos leitões!
Domingo como é dia de vestir o fato vou so ao cemiterio e depois venho para casa assistir aos jogos na sportv, porque como qualquer bom portugues, futebol quer-se é com cervejas gajas e


De anonimo08 a 2 de Novembro de 2009 às 12:32
... e um bocadinho de agricultura.
loool.


De Miguel Góis a 31 de Outubro de 2009 às 19:39
Vocês são demais!!!!!


De ana a 31 de Outubro de 2009 às 16:59
adorei! nunca imaginei q scatman pudesse ficar tão dramática! ;-p


De Ricardo a 30 de Outubro de 2009 às 14:27
Everybody "stuch" in the "wear" of the other,
so check out my message to you
As a matter of fact "thanoneyes" to look you back "naraouove karov",
so can u!
Everybody sing the scatman start but "thzaratheahas" to our sing
but what you don´t know
i´m gonna tell you right now
the "starztagomerth" one thing
I´M THE SCATMAN!!! i´m the scatman...


já decorei Bruno!!! está aviada, esta...


De Patrick a 30 de Outubro de 2009 às 13:12
O Aleixo devia ir aos idolos.


De Anónimo a 30 de Outubro de 2009 às 18:42
Já não tem idade.


De AngeloDias a 30 de Outubro de 2009 às 12:52
“sim, ando-me a pôr nisto” é realmente uma bela expressão. Eu costumo dizer: Sim, ando a fazê-la!

Neste momento ando a tentar fazer uma jovem mas está difícil. Digamos que já vi o país quase todo mas ainda não consegui visitar a Capital!


De Alexandre Kulcinskaia a 30 de Outubro de 2009 às 12:02
Não consigo decorar o raça da música...
Até os parábens são dificeis de decorar para mim.


De LMM a 30 de Outubro de 2009 às 11:51
Nem toda a gente gosta disso dos mails forward... Eu odeio!

E assim demonstrei que, de facto, sou uma pessoa que necessita de levar facada/tiro para ser menos detestável. Não engano ninguém...

LMM

P.S.: Melhor rúbrica "Fim-de-semana: sugestão limpa" até agora. Ri-me e gorgolejei, mais que duas vezes.


De Esquilinho a 30 de Outubro de 2009 às 12:29
Essa parte do "pi ra pó" é um bocado difícil de memorizar. Não têm uma mais fácil? Tipo aquela dos Beatles... Como é que é? "yeah yeah" qualquer coisa. Ai este Alzheimer...


Comentar

Últimos notícias